Coleção de Arte Contemporânea
Ruy Leitão, Sem título, 1968 (detalhe)