Notícia da LUSA: Lucílio Manjate recebeu Prémio Costley-White das mãos de Mia Couto na sede da FLAD

O escritor Mia Couto, que presidiu ao júri da primeira edição do Prémio Literário Eduardo Costley-White, realçou ontem na FLAD o “cunho mais ousado” e a “inteligência” do romance “Rabhia”, de Lucílio Manjate, que o levou a arrecadar o galardão. >>

Veja o anúncio e leia o regulamento do Prémio Literário Eduardo Costley-White

A Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento e as Edições Esgotadas celebram os 800 anos da língua portuguesa e homenageiam Eduardo Costley-White, um dos expoentes máximos da poesia moçambicana, com a criação do Prémio Literário Eduardo Costley-White, que se destina a premiar >>