Notícias #10 de Cultura

O Congresso dos EUA

O Dia da Independência celebrou 238 anos

NORTE-AMERICANOS CELEBRAM DIA DA INDEPENDÊNCIA Os cidadãos norte-americanos celebraram o 238º aniversário da independência dos EUA com fogo-de-artifício, paradas e picnics em todo o país.

O Presidente Barack Obama aproveitou a ocasião para elogiar os membros das Forças Armadas norte-americanas que ainda não têm plena cidadania, para promover a reforma da política de imigração e ainda para simbolicamente acolher 25 novos cidadãos.
PARA LER MAIS: “Americans Celebrate 238th Anniversary of Nation’s Independence” (Voice of America).

 

RIVALIDADE DURANTE A GUERRA CIVIL EXPLORADA EM NOVA EXPOSIÇÃO
A National Portrait Gallery, em Washington D.C., exibe uma série de quadros que abordam a rivalidade entre os generais Ulysses S. Grant e Robert E. Lee. A rivalidade entre os líderes das forças confederadas e da União é uma das mais memoráveis da história militar norte-americana. A exibição mostra imagens de eventos importantes que decorreram no último ano da guerra civil.
PARA LER MAIS: “National Portrait Gallery explores Civil War rivalry between Grant, Lee in new exhibit” (Associated Press via Daily Journal).

 

PROPAGANDA DA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL EM EXPOSIÇÃO
Estão em cena nos EUA uma série de exposições de cartazes de propaganda da Primeira Guerra Mundial. Museus como o Cincinnati Museum Center, o First Division Museum, em Wheaton, e o Museum of Fine Arts, em Boston, são alguns dos locais onde esses cartazes podem ser vistos.
PARA LER MAIS: “The Art of Propaganda” (The Wall Street Journal).

 

INÍCIO DE CARREIRA DE KANDINSKY EM EXIBIÇÃO NO GUGGENHEIMOs amantes de arte podem agora ver alguns dos primeiros trabalhos de Vasily Kandinsky. Com o nome de “Kandinsky Before Abstraction, 1901-1911”, a exposição agora em cena no Guggenheim Museum, em Nova Iorque, inclui 16 quadros e xilogravuras que datam do início da sua carreira.
PARA LER MAIS: “Kandinsky’s Early, Pre-Abstract Works on Display at Guggenheim” (DNAinfo New York).

 

REALISMO MODERNO AMERICANO EM EXIBIÇÃO NO SMITHSONIAN
O Smithsonian American Art Museum tem em exibição 71 quadros e esculturas dos mais reconhecidos mestres de arte dos EUA. A exposicao “Modern American Realism”, disponibilizada pela Sara Roby Foundation, mostra uma interpretação figurativa do país através de obras de arte realizadas entre as décadas de 1910 e 1980.
PARA LER MAIS: “The Sara Roby Foundation Collection: unveils ‘Modern American Realism’” (Examiner).

 

NOVA INICIATIVA EXIBIRÁ 58 TRABALHOS DE ARTE EM DIVERSOS ESPAÇOS PÚBLICOS
Uma nova iniciativa nos EUA, a “Art Everywhere US”, vai transformar outdoors publicitários, paragens de autocarros, plataformas de metro, cinemas e outros espaços públicos em galerias de arte ao ar livre e de acesso grátis. A iniciativa irá começar no início de Agosto. A escolha das 58 obras a serem expostas será feita por votação pública e incluirá as mais votadas de entre as 100 nomeadas por vários institutos e museus.
PARA LER MAIS: “‘Art Everywhere U.S.’ Unveils 58 Works To Be Displayed In Free, Open-Air Galleries” (Forbes).

 

JOVENS DE NOVA IORQUE EXIBEM A SUA ARTE
Neste Verão o Metropolitan Museum of Art vai expor obras de arte de 106 alunos das escolas públicas de Nova Iorque, desde a creche ao 12º ano. O “P.S. Art 2014: Celebrating the Creative Spirit of NYC Kids” é uma iniciativa do museu com o fim de fomentar criatividade e aprendizagem entre os estudantes da cidade.
PARA LER MAIS: “The Met Museum Presents P.S. ART 2014: CELEBRATING THE CREATIVE SPIRIT OF NYC KIDS, Now thru 8/25” (Broadway World).

 

COMPRADOR POTENCIAL DO NEW YORK CITY OPERA CONTESTA ATRASOS NA DECISÃO
Gene Kaufman empreendeu uma acção legal contra a demora relacionada com a análise da sua oferta de aquisição sobre a New York City Opera, a qual foi feita em Dezembro de 2013. O empresário exige ainda a criação de uma administração independente. A New York City Opera apresentou uma declaração de falência em Outubro de 2013, após não ter conseguido angariar sete milhões de dólares.
PARA LER MAIS: “Potential buyer of New York City Opera objects to delays” (Reuters).

 

PRIMEIRO PORTUGUÊS A GANHAR UM GRAMMY
Carlos do Carmo tornou-se o primeiro português a ganhar um Grammy, nomeadamente na categoria “Lifetime Achievement”, entregue apenas aos artistas pelo conjunto da obra que produziram ao longo da sua carreira. O prémio será entregue a 19 de Novembro deste ano no Hollywood Theater da MGM, em Las Vegas.
PARA LER MAIS: “Carlos do Carmo é o primeiro português a conquistar um Grammy” (Expresso).

 

RODRIGO LEÃO RECEBE PRÉMIO NOS EUA
O compositor português Rodrigo Leão recebeu o “American Film and Television Award” durante o 29º Annual ASCAP Film & TV Music Awards. A atribuição do prémio é resultado da banda sonora do filme “O mordomo”. O evento decorreu a 25 de Junho em Los Angeles.
PARA LER MAIS: “Music: Rodrigo Leão honored at 29th Annual ASCAP Film & TV Music Awards – Los Angeles” (Portuguese American Journal).

 

ESTUDANTE PORTUGUÊS DE DESIGN DISTINGUIDO NOS EUA
Uma escultura do Circuito de Arte Pública de Paredes, concebida por um estudante português, foi distinguida, nos EUA, com um prémio de design. A obra de Artur Fontinha, aluno do mestrado em Arte e Design para o Espaço Público, da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP), foi distinguida pelos prémios Merit 2014, atribuídos pela Society for Experimental Graphic Design (SEGD).
PARA LER MAIS: “Estudante português de design ganha prémio nos Estados Unidos” (Lusa via Público).

 

AULAS DE PORTUGUÊS NOS EUA COM CADA VEZ MAIOR PROCURA
Durante o XXII Encontro de Professores de Português dos Estados Unidos e Canadá, que decorreu nos Açores, um professor de português nos EUA defendeu que o ensino de português é cada vez mais procurado por outras comunidades que não apenas os luso-descendentes, sobretudo pelos latino-americanos, que ficam, desta forma, habilitados a falar as três línguas predominantes no continente americano: inglês, português e castelhano.
PARA LER MAIS: “Procura de português nas escolas dos EUA tem crescido” (Lusa via Notícias ao Minuto).

 

CURSO DE LÍNGUA PORTUGUESA REABRE EM UNIVERSIDADE NORTE-AMERICANA
Teve início a 8 de Julho, na Universidade de Massachusetts, em Dartmouth, a 21ª edição do mais antigo curso de verão de língua portuguesa dos EUA. O curso, que tem 35 alunos inscritos, é organizado pelo Centro de Estudos Portugueses da universidade e é apoiado pela Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento (FLAD).
PARA LER MAIS: “Dartmouth Curso de português em Massachusetts reflete interesse na língua” (Lusa via Notícias ao Minuto).

 

PORTUGUÊS É A 12.ª LÍNGUA MAIS FALADA NOS EUA
O número de falantes de português nos EUA era, em 2009, estimado em cerca de 682 mil, o que faz do português a 12ª língua mais falada no país. A conclusão é de um estudo encomendado pela Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento ao ISCTE, que adianta que este lugar no ranking põe o número de falantes de português num patamar próximo ou mesmo superior a línguas com maior visibilidade na cultura popular norte-americana, como é o caso do italiano (cerca de 747 mil falantes) e do polaco (598 mil).
PARA LER MAIS: “Português é a 12.ª língua mais falada dos EUA. Para trás fica o japonês e o polaco” (Jornal i).

 

NOVO PROGRAMA PARA PROMOVER A COMPETITIVIDADE DOS LUSO-AMERICANOS
A National Organization of Portuguese-Americans (NOPA), uma organização que visa capacitar e apoiar a comunidade portuguesa nos EUA, desenvolveu um programa para melhorar as capacidades profissionais, bem como de liderança e investigação, de luso-americanos que tenham recentemente completado um curso superior. O programa visa tornar os luso-americanos mais competitivos na área das políticas públicas.
PARA LER MAIS: “National Organization of Portuguese-Americans-NOPA launches Portuguese American Fellowship Program” (Luso Americano).

 

NOVO SERVIÇO DE NOTÍCIAS DA ONU EM PORTUGUÊS
A rádio da ONU lançou um serviço de notícias por telefone em português. Para já disponível apenas nos EUA, o mesmo deverá chegar, em breve, a outros países de expressão portuguesa. A ideia é “oferecer noticiários diários de cinco minutos para todos os países de língua portuguesa, incluindo um noticiário dedicado a assuntos africanos, entre outras entrevistas e peças soltas”.
PARA LER MAIS: “ONU lançou serviço de notícias em português para todo o mundo” (Luso Americano).

 

ESCRITORES NORTE-AMERICANOS EM LISBOA PARA INTERAGIR COM A CULTURA PORTUGUESA
Está a decorrer em Lisboa o Projecto DISQUIET. Noventa escritores norte-americanos participam no Programa Literário Internacional em Lisboa, inserido no Projecto, que inclui sessões abertas ao público. Durante os quinze dias do programa, os escritores norte-americanos irão ter contacto com diferentes aspectos da cultura portuguesa, incluindo com autores lusófonos.
PARA LER MAIS: “Noventa escritores norte-americanos em Lisboa no âmbito do Projecto DISQUIET” (Diário de Notícias).

 

HISTÓRIA DE SOUSA MENDES CONTADA EM FILME NOS EUA
Está em cena no Jewish Film Festival, a decorrer nos EUA, o filme “Disobedience: The Sousa Mendes Story”. O filme conta a história do diplomata português que em França, e contra as ordens do regime de Salazar, concedeu milhares de vistos a judeus, e não só, durante a Segunda Guerra Mundial.
PARA LER MAIS: “Jewish Film Festival: Disobedience” (Wood River Jewish Community).

 

PROGRAMA FULBRIGHT GANHA PRÉMIO PARA A COOPERAÇÃO INTERNACIONAL
O Programa Fulbright, fundado pelo senador norte-americano J. William Fulbright, venceu o Prémio Príncipe das Astúrias 2014 para a Cooperação Internacional. O júri valorizou o carácter internacional do programa, a sua vontade de melhorar a educação global dos jovens, facilitando-lhes o acesso a instituições académicas de excelência. Esta instituição está implementada em Portugal, desde 1960, como Comissão Cultural Luso-Americana – Comissão Fulbright, criada através de um acordo diplomático entre os governos português e norte-americano.
PARA LER MAIS: “Programa Fulbright galardoado com Prémio Príncipe das Astúrias para a Cooperação Internacional” (Euronews).

 

FLAD QUER PROMOVER COOPERAÇÃO ENTRE PORTUGAL E OS EUA
A Fundação Luso-americana para o Desenvolvimento estabeleceu como prioridade nos próximos cinco anos a cooperação económica entre Portugal e os EUA e está a preparar uma série de novos programas nesta área. Esta iniciativa terá como ponto de partida a entrada em vigor da parceria transatlântica, a qual poderá vir a reforçar o posicionamento de Portugal no âmbito das relações transatlânticas.
PARA LER MAIS: “Fundação quer promover cooperação económica e empresarial entre Portugal e os EUA” (Lusa via Diário de Notícias).